A partir desta quinta-feira (2), a Fundação Hemominas vai realizar uma mobilização digital para sensibilizar a população sobre a importância da doação de sangue. As redes sociais e a hashtag #correntesobpressão serão o meio principal da ação, que é estimulada pela série de TV 'Sob pressão', da TV Globo, e será replicada por diversas unidades do Hemominas no Estado.

De acordo com a instituição, a situação dos estoques é motivo de grande preocupação quanto ao risco de desabastecimento em Minas. A disponibilidade do material chegou a níveis críticos devido à pandemia e ao inverno.

Em Minas, a fundação é responsável pelo atendimento de cerca de 600 entidades conveniadas, incluindo hospitais públicos, filantrópicos e particulares, alcançando aproximadamente 800 municípios, direta ou indiretamente. "Lembrando, ainda, que em seus ambulatórios são atendidos cerca de 8 mil pacientes hematológicos que dependem de transfusão sanguínea para sobreviver", diz a entidade, em nota.

Entre as unidades que participarão da ação, que terá duração de uma semana, estão:

  • os hemocentros de Belo Horizonte; Juiz de Fora, na Zona da Mata; Governador Valadares, no Vale do Rio Doce; Uberaba e Uberlândia, no Triângulo; e Pouso Alegre, no Sul de Minas
  • os hemonúcleos de Divinópolis, na região Central; Passos, no Sul; e São João del-Rei, no Campo das Vertentes
  • a Unidade de Coleta de Poços de Caldas, no Sul
  • e os Postos Avançados de Coleta Externa (Pace) de Leopoldina, na Zona da Mata, e de Lavras, no Sul

A Fundação Hemominas relembrou que toma "todos os cuidados" para garantir a segurança dos doadores nas unidades, como: uso de máscara, distanciamento, higienização adequada e higiene frequente de mãos. Para doar sangue, conheça aqui as condições e restrições do ato de ajuda.

Leia mais:
Anvisa aprova inclusão de nova fábrica da vacina da Pfizer nos Estados Unidos
Projeto de Lei prevê multa de até R$ 20 mil para quem furar fila da vacinação contra Covid em BH
'Bico' impulsiona retomada econômica em Minas