Um trio é procurado pela polícia após explodir um caixa eletrônico em Ibiá, no Alto Paranaíba, e trocarem tiros com os militares. Um quarto suspeito foi atingido na cabeça durante o tiroteio e encontra-se em estado grave no Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (HC-UFTM), em Uberaba, no Triângulo Mineiro. Segundo os policiais os três homens que fugiram levaram uma certa quantia em dinheiro, mas o valor ainda não foi contabilizado.

Os comparsas conseguiram fugir em um carro após a ação, conforme os policiais do 37º Batalhão da Polícia Militar. Segundo os militares, o quarteto teria invadido a agência por volta das 3h20, desta terça-feira (12). Uma pessoa que passava pelo local desconfiou dos homens e acionou a polícia. Porém, até a chegada dos policiais o quarteto já havia explodido o caixa e destruído boa parte da agência. A população de Ibiá, que conta com cerca de 23 mil habitantes, ainda tem disponível outros cinco equipamentos para uso, conforme os policiais.

Quando os PM's chegaram ao local encontraram a seguinte cena: um dos suspeitos na porta da agência bancária e outros dentro de um carro. Ao avistar os militares, o homem que estava do lado de fora do veículo correu em direção ao carro e atirou contra a guarnição. Houve troca de tiros e esse suspeito foi baleado na cabeça.

Com o ferimento do comparsa, o trio conseguiu fugir. A expectativa da polícia é que as imagens do circuito interno de segurança da agência auxilie a localizar os suspeitos. O homem que foi baleado está internado no hospital sob escolta policial e deve ser preso e encaminhado para a delegacia assim que receber alta médica.