Está internada no Hospital Risoleta Neves, em Belo Horizonte, a mulher de 31 anos que foi esfaqueada pelo companheiro no fim da manhã deste domingo (5) em Justinópolis, Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. O suspeito, da mesma idade, fugiu para uma mata, mas acabou localizado e preso pela Policia Militar (PM). 

De acordo com a corporação, eles foram acionados por volta das 11h30 no beco Belo Horizonte, no bairro Lidici, a princípio para atender uma ocorrência de um homem baleado. Chegando ao local, eles foram informados de que o homem tinha acabado de desferir várias facadas na sua companheira e que teria passado com um ferimento na perna e dizendo que voltaria para "terminar o serviço". 

Diante destas informações, como a mulher já tinha sido socorrida por vizinhos para a Unidade Pronto-Atendimento (UPA) Justinópolis, os militares iniciaram rastreamento e conseguiram localizar o suspeito ainda no bairro. O homem confessou que brigou com a esposa e que ela teria pegado uma faca de uso doméstico e desferido facadas contra ele, momento em que ele tomou a arma e revidou. 

O homem resistiu à prisão e os policiais precisaram usar força para conte-lo, ainda segundo a PM. Com dois cortes superficiais, na mão e na perna, o suspeito foi levado para a UPA Venda Nova antes de ser conduzido para a delegacia de plantão por tentativa de feminicídio.

Depois de dar entrada na UPA, a mulher acabou sendo transferida para o Hospital Risoleta Tolentino Neves, em Venda Nova. Segundo a unidade de saúde, a vítima deu entrada em estado estável, consciente. Ela está passando por exames para saber qual será a abordagem médica. Não há previsão de alta. 

Leia mais:
Mulher atrai ex para matagal com promessa de sexo e o esfaqueia, em Ribeirão das Neves
Câmera de segurança flagra tentativa de homicídio na estação do Move
Após beber quase 2 litros de cachaça, homem mata a mulher e esfaqueia o filho no Norte de Minas