Um homem de 37 anos foi preso e encaminhado para a Delegacia Especializada de Crimes Contra a Mulher após agredir a companheira, de 41 anos, na madrugada desta quinta-feira (10), no bairro Camargos, região Oeste de Belo Horizonte. Os ataques foram cometidos na frente da filha do casal, de 11 anos, que acionou a Polícia Militar.

Segundo o boletim de ocorrência, os militares chegaram ao apartamento por volta de meia noite e ouviram muito barulho e gritos. O homem se negou a abrir a porta e foi necessário o uso da força para entrar na casa, que estava toda revirada. O autor estava agressivo, com sintomas de embriaguez e, devido à hostilidade com a mulher, ele precisou ser algemado.

A vítima contou que ela estava em casa após passar o dia trabalhando quando ele começou a discutir sem motivo. Em seguida, teria bebido cerveja e conhaque, o que teria aumentado as discussões. Ainda conforme a PM, ele passou a fazer ofensas verbais e gestos obscenos na frente da filha.

Logo depois, ele teria agredido a mulher com vários socos no rosto e na cabeça, puxões de cabelo e mordidas. Por causa das agressões, ela caiu no chão do apartamento e mesmo assim ele não parou de bater nela. A vítima então gritou para que a filha pedisse ajuda.

Ela contou ainda que já foi agredida outras vezes e tem medida protetiva contra o marido. O motivo das brigas seria a dificuldade dele em aceitar o término do relacionamento.

Mesmo com hematomas no braço e inchaço no supercílio, ela não quis ser levada para o hospital.

Leia mais:
Preso homem que matou a irmã a facadas no peito por causa de latido de cão
Homem é acusado de invadir a casa da ex e tentar enforcá-la em Betim
Casal é esfaqueado após xingar criança, mãe e frentistas no Sion