Um homem de 55 anos é suspeito de estuprar a sobrinha-neta, de 10, no bairro Independência, na Região do Barreiro, em Belo Horizonte. 

Segundo relatos, o homem mantinha relações sexuais com a menina há cerca de dois meses. A mãe percebeu um comportamento estranho da filha, além de sangramentos na região genital da criança, e procurou as autoridades.

Após o resultado dos exames, o médico alertou para possibilidade de violência sexual. A menina apontou o tio-avô como autor do estupro.

De acordo com o boletim de ocorrência, o suspeito chegou a ir à casa da família para tentar esclarecer os fatos. Com medo de um possível linchamento, ele se escondeu na residência da irmã para se proteger. Depois, acionou a Polícia Militar e foi levado à delegacia. Após prestar depoimento, negando o estupro, o homem foi liberado.