A insatisfação com o almoço feito por sua companheira para o domingo (19) levou um homem de 34 anos a ameaçar a mulher de morte e a esfaquear a enteada, que tentou intervir e defender a mãe, em  Uberaba, no Triângulo Mineiro. A jovem agredida pelo padrasto, de 27 anos, se defendeu de um golpe de canivete na barriga e acabou com um corte profundo em um dos braços. 

Conforme a Polícia Militar (PM), a corporação foi acionada por volta de 12h30 na rua Campina Verde, no bairro Nossa Senhora da Abadia. Quando chegaram ao local, os militares encontraram o suspeito ainda bastante exaltado, já na rua, dizendo que iria matar a companheira de 53 anos e a enteada. 

Após ele ser abordado, algemado e colocado na viatura, a jovem chegou ao local com o braço esquerdo sangrando muito. Ela relatou à PM que o padrasto iniciou uma discussão com sua mãe, inclusive a ameaçando de morte, e que, quando tentou intervir para defender a mulher, acabou agredida por ele. 

Depois disso, o suspeito pegou a canivete e atacou a enteada, momento em que ela se defendeu e foi atingida no braço. Ferida, a mulher saiu correndo da casa gritando por socorro enquanto sua mãe continuava em luta com o padrasto, sendo que um vizinho a abrigou em sua casa.

O mesmo vizinho ainda conseguiu acalmar o suspeito, que acabou entregando o canivete para a testemunha, que o entregou aos policiais em seguida. 

Suspeito confessou

Ainda de acordo com a PM, o padrasto acabou confessando que ingeriu bebida alcoólica e que, ao chegar em casa, iniciou a discussão com a companheira por conta do almoço, momento em que a filha dela entrou no meio e o jogou no chão, o que o teria levado a se armar com o canivete e desferir um golpe contra a enteada. 

Diante da situação, o homem recebeu voz de prisão em flagrante por tentativa de homicídio e acabou conduzido para a Delegacia de Plantão da cidade. Entretanto, dentro da viatura, o suspeito continuou ameaçando as vítimas, dizendo que "as coisas não ficariam assim" e que ele iria "resolver de vez". 

A jovem esfaqueada foi socorrida pelos militares para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) São Benedito, onde ficou internada sem risco de morte. 

Leia mais:
Homem é preso após esfaquear e enforcar a mulher na frente dos três filhos em Betim
Ex-jogador do Cruzeiro agride a mãe por briga envolvendo apartamento no bairro Caiçara
Padrasto agride e quebra ossos de menina de 10 meses por ela chorar e atrapalhá-lo a ver jogo