Para tentar forçar a companheira a voltar para casa, um homem de 27 anos fez vídeos e fotos com uma faca no pescoço do próprio filho, de 3 anos, e enviou para a mulher e um amigo, na noite de domingo (2), em Uberaba, no Triângulo Mineiro. O suspeito acabou preso em flagrante após a família acionar a polícia. 

Segundo o registro feito pela Polícia Militar (PM), a corporação foi acionada na casa do casal, na rua Attilio Ângelo Paula, no bairro Valim de Mello, por volta das 22h. A mãe da criança, de 22 anos, contou que estava com os dois filhos, de 3 e 4 anos, na casa da quando o marido chegou bastante embriagado ou drogado. 

No portão, o suspeito, bastante descontrolado, começou a exigir que a esposa fosse embora para casa com as crianças, ou ele pularia o muro, quebraria tudo e iria matá-la. Vendo a agressividade do companheiro, a vítima disse que não iria enquanto ele permanecesse sem controle, momento em que ele se apossou dos dois filhos e fugiu. 

Assim que chegou em casa, o homem passou então a enviar fotos e vídeos pelo aplicativo de mensagens instantâneas WhatsApp para a mulher e um amigo deles, sendo que nas imagens ele aparecia com uma faca no pescoço do garoto mais novo. Ele também mandou mensagens de texto ameaçando matar os dois filhos e se matar em seguida caso a mulher não voltasse para ele. 

Diante da situação, o amigo do suspeito de 38 anos, que recebeu as mensagens, foi até a casa e, após algum tempo de conversa, convenceu o homem a largar a faca. Pouco depois, ainda de acordo com a PM, uma viatura chegou na residência e o suspeito tentou fugir correndo, mas acabou contido e preso. 

A faca usada por ele nas ameaças foi localizada e apreendida. O caso foi repassado para a Delegacia de Plantão de Uberaba. 

Leia mais:
Mais de 90% das mulheres atendidas na delegacia de BH querem medidas protetivas
Homem briga com companheira por causa do almoço e acaba esfaqueando a enteada
Casado e com filhos, homem é suspeito de estuprar oito meninas e mulheres em Lagoa Santa