Um homem matou o próprio pai e ainda teve a crueldade de beber o sangue da vítima na cidade de Padre Carvalho, no Norte de Minas Gerais. O crime chocou os moradores do pequeno município e ocorreu nessa quinta-feira (22).
 
De acordo com a Polícia Militar, Edvaldo Antônio dos Reis foi preso logo após dar três pauladas na cabeça de José Antônio dos Reis.
 
Na hora da prisão, o criminoso conversava com vizinhos como se nada tivesse acontecido e, ao ser questionado sobre a morte do pai, confessou o homicídio com frieza. Edvaldo ainda afirmou que passou o dedo no sangue que escorreu da cabeça de José e até experimentou por mais de uma vez.
 
Os militares foram acionados pelo irmão de Edvaldo, que alegou que, depois de ouvir barulhos estranhos vindos da casa do pai, foi até ao local e se deparou com o irmão com um pedaço de pau nas mãos e o José caído no quintal já sem vida. Na sequência, o homem tentou segurar Edvaldo, mas quase foi agredido e preferiu correr e pedir ajuda para a polícia.
 
Conforme relatos de familiares da vítima aos policiais, Edvaldo tem problemas mentais e faz uso de remédios controlados. Além disso, os parentes informaram que o crime ocorreu após pai e filho se desentenderem por José ter falado mal de uma tia de Edvaldo.
 
O detido foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Salinas, onde foi atuado por homicídio doloso, quando há intenção de matar. Depois de ser ouvido, o criminoso foi levado para o presídio da mesma cidade.