Após matar, esquartejar, atear fogo e esconder os restos mortais do genro em uma cisterna ao lado de casa em Planaltina de Goiás (GO), um homem de 48 anos fugiu para Minas, onde se escondeu na cidade de Riachinho, no Norte do Estado. 

O suspeito foi preso nessa quarta-feira (23) com a ajuda de militares de Riachinho, Unaí e também de uma equipe da Polícia Civil de Goiás.  

A vítima, de 26 anos, estava desaparecida desde o último dia 18. Seu corpo foi encontrado somente nessa quarta, dentro da cisterna, que fica em um terreno baldio ao lado da casa do suspeito. Segundo o sargento Marcondes da Cruz, do 28° Batalhão de Polícia Militar, o homem confirmou que havia matado o genro quando foi preso.

Ainda conforme o policial, o suspeito relatou que a vítima estava ameaçando sua família. "Ele e a filha do suspeito estavam em um relacionamento conturbado, de idas e vindas, e acabaram tendo um filho. Aí a filha dele pôs fim no relacionamento de vez e estava namorando outra pessoa. A vítima então começou a ameaçar de morte a ex-namorada e o atual namorado dela. Por causa disso, o pai dela decidiu armar uma emboscada para o homem", explicou. 

Quando a família da vítima registrou o boletim de ocorrência sobre o desaparecimento, o suspeito acabou fugindo para Minas. Após localizar o corpo, esquartejado e parcialmente carbonizado, a Polícia Civil de Goiás passou a suspeitar da ligação do suspeito com o crime. "O corpo só foi reconhecido pelo tronco e pela cabeça, as únicas partes que não estavam completamente destruídas", disse, ainda, o policial. 

Sabendo que o homem tinha um familiar na cidade de Riachinho, em Minas Gerais, a polícia goiana acionou as equipes mineiras e o homem acabou sendo descoberto escondido no quintal da casa da irmã, na cidade mineira, onde foi preso.

O caso foi levado para a delegacia de Unaí, onde foi oficializada a prisão, e o homem foi levado de volta para Planaltina de Goiás, onde está preso. Ele foi autuado por homicídio e ocultação de cadáver. 


Leia mais:

Homem mata namorado após ser expulso da casa dele em São Sebastião do Paraíso
Jovem é encontrado com o crânio esmagado e os pés amarrados em Jaboticatubas
Acusado por homicídio, homem é executado em São José da Lapa