A Igreja de São Joaquim, a principal paróquia de Porteirinha, no Norte de Minas, foi parcialmente destruída nesta Quarta-Feira de Cinzas (7), data em que a igreja católica dá início a Campanha da Fraternidade.

O ato de vandalismo foi praticado por um homem conhecido da cidade. Ele teria problemas mentais e deixou recentemente uma clínica psiquiátrica. O suspeito foi detido pela Polícia Militar e levado para ser ouvido.

Conforme relatos de testemunhas, o ataque aconteceu após a missa celebrada às 9h. Depois que a maioria dos fiéis deixaram o templo, o homem começou a quebrar imagens sacras. O diácono da paróquia disse que quase todas as peças antigas foram danificadas.

O homem frequenta uma igreja evangélica do município.