Um homem de 46 anos foi preso na noite dessa quarta-feira (20), na Vila Cemig, no Barreiro, suspeito de ter assassinado uma adolescente de 14 anos, quatro dias antes, no mesmo local. 

De acordo com a Polícia Militar, o homem seria integrante da gangue Demônios da Vila Cemig (DVC) e a vítima seria tesoureira do tráfico de drogas da gangue do Morada da Serra, em Ibirité, na Grande BH. Segundo testemunhas, o grupo da cidade vizinha tentava controlar o comércio ilícito na Vila. 

No dia do assassinato, inclusive, segunda-feira (18), a adolescente havia ido à Vila Cemig para vender drogas. À noite, por volta das 20h, a tesoureira foi assassinada. A Polícia Militar realizou buscas pela região naquele dia. Em visita à casa do autor, familiares informaram que ele havia saído de casa pela manhã naquele dia e não mais voltado. 

Os militares continuaram as buscas e, na noite dessa quarta, notaram barulhos na residência do suspeito, no beco Tucano. Ao entrar no local, o homem foi localizado, detido e levado para a Ceflan 3. A investigação está a cargo da Polícia Civil.