Após ficar três dias desaparecida, uma idosa de 77 anos foi encontrada em uma mata, em Paraopeba, na região Central de Minas. Dalva Moreira da Silva foi achada na noite dessa segunda-feira (9), após funcionários de uma fazenda local avistarem um cão que não parava de latir saindo de uma vegetação. 
 
A mulher foi dada como desaparecida no sábado (7), por volta das 16h30. O Corpo de Bombeiros acredita que ela estava todo esse tempo acompanhada pelo seu cachorro de estimação. 
 
O resgate foi feito pelos bombeiros do batalhão de Sete Lagoas, na mesma região, que levaram Dalva para um hospital local. Conforme a corporação, a idosa estava inconsciente, hipotérmica e com sinais de desidratação, a cerca de 4 km de sua residência, em uma pastagem próxima à mata.