Idosos com 66 anos, completos até 30 de abril, começaram a ser vacinados contra o novo coronavírus nesta terça-feira (6) em Belo Horizonte. Ao todo, 317.235 pessoas já tomaram a primeira dose do imunizante na capital.

A vacinação começou às 7h30 e segue até às 16h30 nos centros de saúde e postos fixos (confira os locais neste link). Nos postos drive-thru, o horário de funcionamento é das 8h às 16h30. 

Durante a manhã desta terça, a idosa Sueli Pereira, de 66 anos, aproveitou o movimento tranquilo e com pouca fila do Centro de Saúde Nossa Senhora Aparecida, da regional Centro-Sul, para receber a imunização. Após a primeira dose, a bancária aposentada, que estava ansionsa pela aplicação, disse que agora está "mais tranquila". "Estou muito mais feliz. Estava muito ansiosa por essa vacina e no dia 6 de maio tomarei a segunda dose", disse. 

Para tomar a vacina, é necessário que a pessoa leve um documento de identidade, CPF e comprovante de residência. Todos devem estar de máscara e respeitar o distanciamento nas unidades. O ideal é que o idoso leve, no máximo, um acompanhante para evitar aglomerações. Belo-horizontinos do público-alvo acamados e com mobilidade reduzida devem se cadastrar no portal da PBH.

“A Secretaria Municipal de Saúde reforça que as vacinas para o público contemplado nesta fase estão garantidas, não sendo necessário chegar aos locais antes do horário inicial”, disse a prefeitura, em nota. 

Conforme determinação do Ministério da Saúde, a administração municipal não faz mais reservas de segunda dose, já que a pasta nacional garantiu novas unidades em tempo hábil para a aplicação do reforço. Por isso, todas as novas remessas são utilizadas integralmente para acelerar a proteção da população.

Outras faixas etárias

Desde a última sexta-feira (2), moradores de 68 anos começaram a receber a primeira aplicação do imunizante contra o coronavírus. Nesta segunda-feira (5), foi iniciada a vacinação do público de 67. Na quarta-feira começa a vacinação na faixa etária 65 anos.

Servidores da saúde

Trabalhadores da área da saúde na rede municipal começam a ser vacinados na quarta-feira em postos específicos. O profissional cadastrado deve cumprir os seguintes requisitos: 

- ser trabalhador da saúde em atividade em estabelecimentos de saúde de Belo Horizonte;
- ter preenchido o cadastro para a vacinação de trabalhadores da saúde, de forma válida, até 23h59 de 1º de abril;
- ter completado 50 anos ou mais até 30 de abril;
- não ter recebido vacina contra a Covid-19;
- não ter recebido qualquer outra vacina nos últimos 30 dias;
- não ter tido Covid com início de sintomas nos últimos 30 dias.

A aplicação das doses aos trabalhadores será aplicada nos seguintes endereços:

- Unidade de Referência Secundária (URS) Sagrada Família: rua Joaquim Felício, 101 - Sagrada Família;
- Posto drive-thru Sala Minas Gerais: rua Tenente Brito Melo, 1.090 - Barro Preto (somente no dia 7);
- Posto drive-thru Corpo de Bombeiros (Regional Centro-Sul): rua Piauí, 1.815 - Funcionários;
-  Posto drive-thru Minas Shopping (Doca 3): avenida Cristiano Machado, 4.000 - União;
- Centro de Especialidades Médicas IPSEMG: rua Domingos Vieira, 488 - Santa Efigênia.

Caso o trabalhador cadastrado não consiga comparecer aos postos na quarta, deverá  procurar um dos locais disponíveis, levando todos os documentos necessários entre 7h30 e 16h30.

Leia mais:

Minas confirma mais três casos de síndrome infantil associada à Covid-19; 28 são investigados
Brasil tem 28.645 novos casos e 1.319 mortes por Covid em 24 horas
Betim perde 120 doses de vacina contra Covid-19 por problemas no refrigerador