Dois idosos, de 67 e 69 anos, foram libertados nessa quarta-feira (4), após o sequestro na última segunda (2), na zona rural de Central de Minas, na região do Vale do Rio Doce. A Polícia Civil estourou o cativeiro, na cidade de Alpercata, e encontrou os dois bem debilitados, amarrados e encapuzados. Um deles foi levado às pressas para uma unidade de saúde. O outro também precisou de atendimento médico.

Durante as buscas, seis homens e uma mulher foram presos e um menor foi apreendido. De acordo com a Polícia Civil, a suspeita é que eles fazem parte de um grupo de ciganos que estava monitorando o idoso de 67 anos, que é fazendeiro na região. No dia do sequestro, o alvo do grupo estava com um amigo de 69 anos, que acabou sendo levado pelo bando.  

Ainda conforme a PC, o grupo investigado chegou a mudar de cativeiro. 

Os trabalhos de investigação e buscas foram realizados pelas equipes da PCMG em Mantena, do Departamento Estadual de Operações Especiais (Deoesp) de Belo Horizonte, além de policiais civis de Teófilo Otoni e Governador Valadares. 

Leia mais:
Empresário tem mãe e cunhada sequestradas por dívida de R$ 8 milhões em bitcoins
Jovem é preso por participação em golpe de falso sequestro no bairro de Lourdes