Uma pessoa morreu na noite desta quinta-feira (13) durante um incêndio em uma indústria de borracha localizada no bairro Beatriz, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Segundo as informações iniciais do Corpo de Bombeiros, a corporação foi acionada na empresa Pollyrubber, que trabalha com materiais de borracha, localizada na avenida João César de Oliveira. As chamas teriam se iniciado após uma explosão em uma caldeira da indústria. 

As chamas foram controladas por volta das 20h30, após o uso de cerca de 2 mil litros de água. Após informações dos funcionários de que um colega estaria desaparecido, foram realizadas buscas e um corpo carbonizado de um homem foi localizado. A corporação não divulgou a idade da vítima. 

A perícia da Polícia Civil (PC) foi acionada e fez os levantamentos iniciais que indicarão as causas do acidente. A estrutura da indústria foi comprometida, ainda de acordo com os bombeiros, e precisou ser interditada. 

Nas redes sociais, moradores relataram ter ouvido uma forte explosão. "Contagem tá literalmente pegando fogo. Só hoje dois incêndios e agora pouco uma explosão perto do centro", relatou um internauta no Twitter. Em seguida, uma pessoa disse que o pai trabalha no local e, por sorte, não trabalhava no dia. "Explodiu uma caldeira, até agora acharam um corpo. Meu pai trabalha lá, por milagre não foi trabalhar hoje", pontuou. 

Segundo incêndio em menos de um dia

Na manhã desta quinta-feira, também em Contagem, uma mercearia foi completamente destruída em outro incêndio, desta vez em um prédio na avenida José Faria da Rocha, no bairro Eldorado, a cerca de 6 km do incêndio registrado na parte da noite.

O proprietário da loja relatou ter deixado um forno elétrico ligado, o que teria causado o incêndio. O fogo, que teve início por volta das 7h, se alastrou e consumiu todo o local.

Leia mais:
Caminhões batem e pegam fogo em ponte de rodovia no Triângulo
Incêndio destrói mercearia no bairro Eldorado, em Contagem; veja vídeo
Relatório aponta fragilidade em 80% dos museus mineiros