Dois trechos da rua Diamantina, no bairro Lagoinha, região Noroeste de Belo Horizonte, passaram por intervenções artísticas com o objetivo de limitar a velocidade dos veículos a 30 quilômetros por hora (km/h). A mudança faz parte do projeto Zona 30 e prioriza quem anda a pé, de bicicleta ou tem a mobilidade reduzida. 

A medida foi adotada com objetivo de preparar o local para o Festival Cura – Circuito Urbano de Arte, que vai até 15 de setembro. 

No próximo dia 16, e até o dia 22, a intervenção será nas ruas do entorno da Escola Municipal Anne Frank, no bairro Confisco, na região da Pampulha.

O projeto integra um conjunto de ações previstas para o mês da mobilidade e terá apoio do instituto Wuppertal, da Alemanha, que, este ano, lançou o projeto "Ambientalízate!". Outras cidades da América Latina também receberão ações de sustentabilidade.