Com as temperaturas altas na capital mineira, em torno de 30°C nesta terça-feira (7), é difícil visualizar um clima realmente frio para a próxima estação, o inverno, que começa no dia 21 de junho. E segundo o meteorologista Heriberto dos Anjos, provavelmente o inverno deste ano em Minas deve ser menos intenso do que o do ano passado. 

Isso se deve à atuação do fenômeno El Niño, que aquece as águas do oceano Pacífico e reflete nas temperaturas no Brasil, principalmente na região Sudeste.  

Mas isso não significa que Belo Horizonte não voltará a ver o frio se aproximando. Segundo o meteorologista Cleber Souza, do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a partir desta quarta-feira (8) as temperaturas já devem dar alguns sinais tímidos de queda. Se nesta terça a temperatura mínima gira em torno de 17°C e a máxima prevista é de 30°, na quarta, a mínima deve ser de 16°C e a máxima de 28°C. Se chover, serão poucas e isoladas chuvas em BH, segundo o meteorologista. 

Já a partir da próxima semana, a fase de transição entre o outono e o inverno deve ser mais perceptível, devido a uma massa de ar polar que chega ao Brasil, favorecendo as quedas na temperatura. 

Leia mais:

Nave espacial da Nasa colidirá com pequena lua em 2022
Vírus tipo 2 e hábito de 'guardar' água sem cuidado podem ser as causas de surto da dengue em Minas