Um patrulhamento de rotina terminou na prisão de um traficante e na apreensão de centenas de pedras de crack na manhã desta sexta-feira (14), na Vila Savassinha, no bairro Delta, região Noroeste de Belo Horizonte.
 
Clésio Otaviano da Silva Júnior, de 19 anos, foi abordado na avenida Itaú e não portava nenhum documento de identificação e ou material ilícito. No entanto, durante conversa com policiais da 2ª Companhia Tático Móvel do 34º Batalhão da Polícia Militar, ele acabou confessando que guardava bucha de maconha em casa. Ele ainda contou que mora no aglomerado há um ano.
 
Após buscas na residência do jovem, os policiais apreenderam em torno de 400 pedras de crack, sendo 275 já embaladas para a venda, além da bucha de maconha e diversos plásticos e pinos usados para embalar entorpecentes.
 
Ao ser questionado sobre a origem do material recolhido, que foi achado em gaveta de guarda-roupas, Júnior assumiu que comprou toda a droga, que seria facilmente vendida em poucos dias.O jovem ainda alegou que não tem um fornecedor fixo, uma vez que costuma "pechinchar". "O jovem afirmou que tem o hábito de pesquisar os preços das drogas antes de comprá-las com a intenção de ter maior lucro. Assim, não é fiel a nenhum fornecedor", conta o soldado Admilson Henrique de Morais.
 
Júnior, que já tinha passagens pela polícia também por tráfico de drogas, foi detido em flagrante e encaminhado à Central de Flagrantes (Ceflan), no bairro Floresta, região Leste da capital mineira.