Um homem, de 21 anos, foi preso na manhã desta segunda-feira (18) por suspeita de participação num golpe de falso sequestro. O jovem foi flagrado com joias e dinheiro, que foram entregues por um casal de idosos do bairro de Lourdes, na região Centro-Sul de Belo Horizonte, para livrar a filha de um suposto sequestro.

De acordo com o boletim de ocorrência, os dois, ambos de 70 anos, receberam ligações de uma mulher se passando por filha deles, dizendo que sequestradores haviam invadido seu apartamento. Os supostos sequestradores exigiram entrega de dinheiro e joias, que deveriam ser colocados numa sacola a ser deixada na porta do edifício onde mora o casal.

Numa mochila, os idosos colocaram mais de 3 mil euros, 2,3 mil dólares, R$ 450 e diversas joias, entre relógios, brincos, gargantilhas, anéis e pulseira. Um rapaz estacionou na frente do prédio, pegou a mochila e saiu, mas o porteiro do edifício desconfiou da ação e chamou a Polícia Militar.

Ao verificar as imagens das câmeras de segurança, os policiais descobriram a placa do veículo e ligaram para o proprietário, que mora em Sabará. O homem confirmou que era dono do carro, mas explicou que esse ficava com seu sobrinho, que trabalha como motorista por aplicativo.

Ao chegar na casa do jovem, que usava o veículo, ele confirmou que estava com a mochila e esta estava dentro do seu porta-malas. O suspeito afirmou que não participou do golpe, pois apenas havia sido contratado para pegar o material no endereço determinado. 

Após a chegada dos policiais, o casal entrou em contato com a filha e verificou que ela passa bem.

A Polícia Civil informou que o suspeito foi autuado por extorsão e encaminhado ao sistema prisional. Em depoimento, ele reiterou que foi contratado para pegar a mochila e receberia o pagamento depois. O caso está sendo investigado pela delegacia de Sabará.

Leia mais:
Obra para captação de água no rio Paraopeba é suspensa pela Justiça
Ônibus com estudantes de Governador Valadares tomba na BR-259