A emenda saiu pior do que o soneto para o jogador de futebol do Cruzeiro Leonardo Bonatini (20), na noite desta terça-feira (30). A jovem promessa do time celeste tentou fugir de uma blitz da Lei Seca, no Barro Preto, na região Centro-Sul de BH, e acabou se envolvendo em um grave acidente de trânsito.

Segundo informações do tenente Bruno Coelho, do Batalhão de Trânsito da Polícia Militar, o jogador vinha pela rua Mato Grosso com o seu veículo Honda Civic branco quando avistou uma bliz da Lei Seca na esquina com a avenida Bias Fortes. Após ordem policial, o atacante se recusou a parar, atravessou o canteiro central, e fugiu pelo elevado Helena Greco em direção à avenida Pedro II, no bairro Caiçara. Antes de fazer a curva, o jovem perdeu o controle do veículo, capotou e acertou um Fiat Punto que estava na via. Bonatini sofreu escoriações no pé e os passageiros do segundo veículo não sofreram ferimentos.

O jovem atleta admitiu que fez uso de bebida alcoólica e realizou o exame do bafômetro que indicou 0.28 miligramas de álcool por litro de ar expelido. Autuado em flagrante, ele foi multado em R$ 1.917, teve a habilitação retida, o direito de dirigir suspenso por 12 meses, além da retenção do veículo. Bonatini terá de pagar fiança, que será estipulada pelo Detran, e vai responder a um processo administrativo do órgão.

Bonatini é apenas o mais novo integrante de uma extensa lista de jogadores de futebol que já viraram notícia após serem pegos pela blitz que combate o consumo de álcool entre motoristas na capital mineira.

Confira a galeria de imagens do acidente:

Próximo de acertar com o Estoril, Léo Bonatini, deve deixar a Toca da Raposa em 2015. O jogador do Cruzeiro recebeu uma oferta do clube português e deve ser emprestado ao clube até o fim da temporada. Metade dos direitos econômicos do atleta será fixada.

Após se destacar no Campeonato Brasileiro Sub-20, o jogador chamou a atenção no exterior. Ele foi reintegrado ao elenco celeste em 2013, após uma rápida passagem pela Juventus, da Itália. Pouco depois de seu retorno, foi emprestado ao Goiás, mas acabou não sendo bem aproveitado na equipe esmeraldina e foi liberado em agosto.

Léo será cedido à equipe portuguesa em breve pois não poderá disputar a Copa São Paulo de Juniores. De acordo com o regulamento, o jogador já não tem mais idade para disputa-la.