Jovem que bateu BMW na Praça da Liberdade nega ter ingerido bebida alcoólica

Hoje em Dia
28/04/2015 às 11:21.
Atualizado em 16/11/2021 às 23:48

O motorista Célio Brasil Júnior, de 23 anos, que no último domingo (26) bateu a BMW X6, placa NTW-9161, em dois carros parados, na Praça da Liberdade, região Centro-Sul de Belo Horizonte, negou ter ingerido bebida alcoólica.   Após o acidente que deixou duas pessoas feridas, o jovem fugiu. Ao delegado Pedro Ribeiro, da Delegacia Especializada em Acidentes de Veículos (DEAV), Brasíl Júnior assumiu que estava na direção do carro importado, mas alegou que saiu do local da ocorrência por estar desnorteado e sem celular.   Ele disse, ainda, que pegou um táxi e foi para casa, deixando as vítimas para trás. Na manhã desta terça-feira (28), o motorista se apresentou espontaneamente à polícia acompanhado de dois advogados.   O caso será investigado pelo delegado, que nos próximos dias deve ouvir 15 pessoas, entre testemunhas, vítimas e militares que registraram a ocorrência. A principio, o investigador sinalizou que Brasil Júnior pode responder pelos crimes de lesão corporal e evasão.   Após prestar esclarecimentos, o motorista foi liberado.   Acidente   A batida aconteceu por volta das 4h30, quando Célio seguia pela avenida Cristóvão Colombo e, por motivo ainda ignorado, perdeu o controle da direção. Ele bateu em um Fiat Uno que estava parado perto do Circuito Cultural Banco do Brasil (CCBB). Com o impacto, o Uno colidiu em um Toyota Corolla, que estava à frente, também estacionado.   Duas mulheres que estavam no veículo importado ficaram feridas. Elas foram socorridas e levadas para o Hospital de Pronto-Socorro (HPS) João XXIII. Após a colisão, o motorista fugiu do local.   Atualizada às 15h02

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por