Um homem de 23 anos foi preso após roubar uma caminhonete Hilux , fazer neto e avô reféns e bater em carro de comparsas no começo da tarde desta sexta-feira (25), em Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte. Juliander Patrício dos Santos rendeu os parentes quando eles estavam dentro do veículo e parados no centro da cidade. 
 
Acompanhado de dois comparsas, o detido desceu de um Gol preto e abordou as vítimas. Em seguida, o jovem fugiu em alta velocidade e levando avô e neto como reféns.
 
De acordo com o capitão Antuer Junior, da assessoria do 33º Batalhão da Polícia Militar (PM), os comparsas de Santos seguiram a caminhonete e, ao chegarem no entroncamento da BR-381 com a BR-262, no bairro Brasileia, tiveram dúvida para qual sentido fugiriam. Nesse momento, o jovem preso bateu a caminhonete no Gol. "Com o forte impacto da batida, os dois veículos capotaram e caíram em ribanceira", contou o capitão.
 
Mesmo após o acidente, os dois ocupantes do Gol fugiram correndo. Já Santos ficou preso às ferragens e foi detido na sequência. Ele dispensou atendimento médico e foi encaminhado à 8ª Delegacia de Polícia Civil de Betim. Já avô e neto sofreram diversos ferimentos e precisaram ser encaminhados ao Hospital Regional de Betim. "Os dois não correm risco de morte e eu não tive acesso aos nomes e idades deles", disse Junior.
 
O paradeiro dos outros dois suspeitos ainda é desconhecido e será investigado.
 
O Gol e a caminhonete foram apreendidos e rebocados para pátio credenciado da polícia.