O belo-horizontino saberá nesta terça-feira (4) se o prefeito Alexandre Kalil (PSD) vai permitir a reabertura de parte do comércio antes do Dia dos Pais, celebrado no próximo domingo (9). O chefe do executivo convocou uma coletiva para anunciar os rumos do isolamento social na metrópole. 

A expectativa de empresários é que as lojas, shoppings e galerias, fechados desde março, recebam o aval para funcionar. Além desses estabelecimentos, salões de beleza também estão incluindo na fase 1 da flexibilização. 

O comunicado de Kalil ocorrerá às 14h. Atualmente, a ocupação dos leitos de UTIs para pacientes com Covid-19 é o maior empecilho. Conforme boletim epidemiológico divulgado nessa segunda-feira (3), a lotação estava em 83%, mas precisa ser reduzida para 70%.

Os índices de ocupação de leitos enfermaria e transmissão do novo coronavírus também são analisados.  

Flexibilização

A fase 1 de reabertura do comércio de Belo Horizonte contempla todos os estabelecimentos varejistas e atacadistas, salões de beleza, shoppings centers e galerias de lojas, mas uma data não foi divulgada.

Leia mais:
BH registra mortes por Covid sem comorbidade ou fator de risco
Para Zema, Brasil não está 'tão ruim' no combate à pandemia de Covid
Taxa de ocupação de leitos de UTI para pacientes com Covid em BH cai para 83%