O prefeito de Belo Horizonte homenageou, nesta terça-feira (13), os atletas do programa Superar que participaram dos Jogos Escolares de Minas Gerais 2019, realizados em Uberlândia. Alexandre Kalil entregou certificados aos integrantes da equipe do programa, que promove o esporte a alunos com deficiência física, visual, intelectual, auditiva, múltipla e com autismo.

Com 40 medalhas e 11 troféus, os atletas do Superar obtiveram o melhor resultado da história do programa nas modalidades paralímpicas dos Jogos. "Quero dizer às mães que isso nada mais é do que a obrigação da Prefeitura. Então, vocês fiquem tranquilas. O programa só tende a melhorar com mais verba, mais gente, mais locais, porque esse é um programa que interessa pessoalmente ao prefeito”, afirmou Kalil, se dirigindo às mães dos atletas.

O programa

O Superar conta com mais de 900 alunos inscritos em 16 modalidades esportivas. O programa conta com dois centros de referência e sete núcleos regionalizados, além da Associação de Deficientes Visuais de Belo Horizonte, da Associação de Surdos e do núcleo da UFMG, que começou a funcionar no dia 6 de agosto passado.

As 16 modalidades oferecidas são atletismo, basquetebol, bocha regular, bocha paralímpica, dança, futsal, goalball, judô, natação, patinação, rúgbi em cadeira de rodas, tênis de mesa, voleibol sentado, parataekwondo, funcional e percussão.

Os requisitos para participar do Superar são ter idade superior a 6 anos e apresentar laudo de deficiência. O ingresso é condicionado à disponibilidade de vagas. Mais informações pelo e-mail superar@pbh.gov.br e pelos telefones 3277-4546 e 3277-7681.

Leia mais:
Manifestação em defesa da Educação deixa trânsito lento no Centro de BH