O modelo Celso Santebañes, mais conhecido como Ken Humano, faleceu às 16h30 desta quinta-feira, em Uberlândia, no Triângulo Mineiro. Segundo nota divulgada pelo Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU), onde ele estava internado para tratamento de um câncer, a morte foi "em decorrência de agravamento do quadro clinico pela pneumonia na fase de imunossupressão da quimioterapia".

Celso Santebañes lutava há cinco meses contra uma Leucemia Linfóide Aguda (LLA). Na página do seu fã clube, no Facebook, muitos seguidores do expressam pesar pela morte. "Inacreditável", lamenta uma garota. Em sua fanpage, Celso havia divulgado um vídeo, no dia 21 de maio, onde se mostrava otimista.

"Eu quero agradecer todos vocês que estão torcendo e rezando por mim. Quero dizer que estamos juntos, que estou quase vencendo esta batalha", disse.

O rapaz, natural de Araxá, no Alto Paranaíba, Minas Gerais, foi diagnosticado com Leucemia após complicações com hidrogel em janeiro deste ano. Desde então, era internado a cada dez dias para tratamento no Hospital de Clínicas da UFU, onde estava desde o dia 26 de maio.

Na última alta que recebeu, em abril, o jovem escreveu em sua página no Facebook, que se sentia como uma criança feliz. "Amanhã eu ganho alta novamente, ebaaaa rsrsrs ... Jesus é maravilhoso comigo.. Eu só tenho à gradecer (sic)!!", escreveu.

Celso Santebañes trabalhava como modelo e ficou conhecido por se submeter a várias cirurgias plásticas para se parecer com o boneco Ken. Ele tinha 21 anos e pretendia lançar um livro contando a sua história.

Doença

A LLA atinge um a cada 100 mil habitantes e, em geral, crianças entre dois a nove anos são as mais afetadas. A doença ataca todo o organismo, pois, afeta as células do sangue, principalmente as células de defesa, os chamados glóbulos brancos (responsáveis por defender o organismo de agentes que causam infecções). O tratamento inicial é a quimioterapia.

Os Sintomas são a perda de peso repentina, febre, cansaço, perda de apetite e suor noturno são os principais sintomas desse tipo de leucemia. O câncer também atinge outras células do corpo e pode ainda provocar anemia. Por causa disso, o paciente também sente cansaço, fadiga, dores de cabeça anos após o término do tratamento.