Um jovem de 24 anos, apontado como líder de uma gangue que atuava no Aglomerado Morro das Pedras, foi baleado e preso pela Polícia Militar. Conforme a corporação, houve troca de tiros entre supostos bandidos e os militares. O caso aconteceu na noite de quarta-feira (1º), no bairro Grajaú, região Oeste de Belo Horizonte.

A ocorrência teve início depois que a PM recebeu denúncia anônima relatando que quatro homens estariam armados na esquina da rua Anita Garibaldi, esquina com Beco da Roça. Quando os policiais chegaram ao local houve troca de tiros e, durante o tiroteio, um suspeito conhecido como "Vitinho" foi atingido.

Segundo a PM, ele seria o líder do bando e estaria aterrorizando os moradores do aglomerado na tentativa de controlar a venda de drogas na região. Além disso, ele também é apontado como um dos autores de um assassinato registrado no dia 29 de abril.

O suspeito, baleado na perna, foi socorrido até o Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) Oeste e depois transferido para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII. Os outros suspeitos conseguiram fugir e não foram localizados. 

Na ocorrência, a PM apreendeu uma submetralhadora calibre 9mm, um carregador alongado com capacidade para 60 cartuchos e cinco cartuchos.