Para marcar o Dia Mundial de Meio Ambiente, comemorado na próxima quarta-feira (5), a Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Montes Claros, no Norte de Minas, realiza uma série de atividades envolvendo crianças, adolescentes e educadores no Parque Municipal Milton Prates.
 
Realizado em parceria com o Serviço Social do Comércio (Sesc) e Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), a expectativa é reunir mais de mil estudantes de aproximadamente 100 escolas municipais, estaduais e particulares da cidade.
 
Neste dia será realizada a Campanha de Recolhimento de Resíduos Eletrônicos e, em troca, serão concedidos descontos em vouchers para passagens aéreas das empresas Azul e Trip, que operam em Montes Claros, no valor de R$ 50.
 
No posto de coleta, serão aceitos celulares, aparelhos de fax, notebooks, computadores, estabilizadores, máquinas digitais, filmadoras, no breaks, monitores, gabinetes, impressoras, scanners, aparelhos de videocassete e leitores de DVD.
 
Ainda serão recebidos - sem troca por vouchers - teclados, cabos, disquetes, mouses e demais acessórios para que tenham destinação correta.
 
Segundo a engenheira da Secretaria de Meio Ambiente, Luciene Borges, várias ações estão sendo planejadas durante esta semana para marcar o Dia Mundial de Meio Ambiente. “Teremos palestras, workshop e ações ambientais voltadas para a conscientização das pessoas. Nosso objetivo é chamar a atenção para a situação do ambiente em que vivemos e que país queremos para o nosso futuro”, explica.
 
Dados da Agencia Nacional de Telecomunicações (Anatel) mostram que o Brasil fechou 2012 com 261,81 milhões de acessos do Serviço Móvel Pessoal (SMP), crescimento de 8,08% em relação ao ano anterior. Em Minas Gerais este crescimento foi de 7,27% no mesmo período, o que representa aproximadamente 133 aparelhos para cada 100 habitantes no país.
 
Esses dados demonstram que é preciso uma destinação correta do lixo eletrônico produzido no Brasil para evitar a contaminação de nascentes e do solo por metais pesados como o cádmio, mercúrio e o chumbo. Substâncias presentes nas baterias dos aparelhos eletrônicos existentes no mercado e que causam problemas ao meio ambiente e ao corpo humano.