A Polícia Militar prendeu em flagrante, na noite desta terça-feira (6), cinco suspeitos de negociar a venda de um bebê de apenas um dia, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. A mãe da criança, de 32 anos, que está internada na maternidade do Hospital Municipal de Contagem, recebeu a visita de outras quatro pessoas do Rio de Janeiro. Duas delas estariam interessadas em adotar o bebê dela, o que chamou a atenção do funcionários, que acionaram a polícia.

Durante as diligências, a PM apreendeu os aparelhos telefônicos dos envolvidos e foram encontradas trocas de mensagens entre a mãe e a suposta agenciadora de um esquema de comércio de crianças. Elas mantinham contato desde o período da gestação e conversavam sobre valores em dinheiro para o pagamento de remédios e de outras necessidades da mãe.

Segundo o tenente Thiago Rangel de Almeida, que fez as prisões,  a suspeita negou a participação em qualquer esquema de venda de bebês e disse que apenas oferecia ajuda nos processos de adoção.

Os quatro suspeitos foram levados para a Delegacia de Plantão de Contagem e a mãe está internada sob escolta da PM. Assim que ela receber alta também será encaminhada para a delegacia. A criança deve ficar aos cuidados do Conselho Tulelar.