Uma mulher de 20 anos foi presa pela Polícia Militar (PM) suspeita de jogar o próprio bebê no Rio São Domingos, em Chalé, no Sul de Minas. O caso, divulgado nesta segunda (31) pela corporação, foi registrado na última quinta-feira (27), quando militares receberam informações de um pescador que teria visto algo estranho às margens do rio.

O corpo já em estado de decomposição foi encontrado boiando no local. A mãe localizada na última sexta-feira (28). Ela informou à PM que o filho havia nascido morto aos sete meses de gestação.

Ainda segundo os militares, a suspeita contou que passou mal, teve hemorragia e ficou desesperada ao ver a criança morta, por isso, a jogou no rio. Ela ainda disse que durante a gestação não buscou acompanhamento médico.

A mulher teria tido o bebê em uma casa a 600 metros do local, onde a criança foi encontrada boiando. A autora foi conduzida até um posto de saúde da cidade e, posteriormente, encaminhada à delegacia. 

Leia mais:
PM é ferido a tiro em operação para desmobilizar festa clandestina com 300 pessoas na RMBH
Polícia busca 23 presos foragidos neste domingo de presídio no Sul de Minas
Média de mortes diárias por Covid-19 cai 23,8% em um mês no país