O infectologista Estevão Urbano, do Comitê de enfrentamento à Covid-19 de BH, falou que o recado foi dado nessa quarta (25), se referindo ao anúncio que o prefeito Alexandre Kalil fez, no início da tarde, informando de que serão tomadas medidas mais severas para quem descumprir as normas de segurança e os protocolos obrigatórios a serem seguidos durante o período de flexibilização.  

Segundo o médico, a decisão do prefeito foi tomada depois que o Comitê verificou o aumento da transmissão da doença nos últimos 15 dias na capital mineira.  

Confira a entrevista na íntegra: