Na linha de frente no tratamento de pacientes com a Covid-19, o cirurgião torácico Lucas Fragoso Pires Lara Marques, de 34 anos, que trabalha em vários hospitais de Divinópolis, no Centro-Oeste do Estado, encontrou uma maneira de matar a saudade da família, que não via há duas semanas. 

Ele se fantasiou de cachorro para abraçar a mulher, grávida de oito meses e a filha Lara, de dois anos e sete meses. A ideia surgiu depois que uma colega de trabalho enviou uma mensagem pelo Whatsapp mostrando que um médico havia se fantasiado de dinossauro para que pudesse abraçar o filho. "Eu vou fazer o mesmo", respondeu o médico. 

Lucas então começou a procurar uma fantasia onde ele não pudesse ser reconhecido pela pequena. "Eu não queria que ela reconhecesse. Eu queria apenas abraçá-las e preferi que ela ganhasse um amigo e não perdesse o pai de novo".

Para não colocar a família em risco o médico enviou uma foto para uma infectologista e, além da fantasia, ele tomou um banho e também usava máscara de proteção e luvas. A médica da mesma especialidade que divide o trabalho com ele foi infectada pelo novo coronavírus. Além disso, ele tem atuado em setores de alto índice de contaminação, como os Centros de Terapia Intensiva (CTIs), no tratamento de pacientes com a Covid-19.

Médico de Divinópolis se fantasia de cachorro

O encontro aconteceu no último domingo (10), no Dia das Mães, na rua da casa onde as duas estão em isolamento. Ele tinha apenas meia hora, já que uma paciente da oncologia o aguardava no hospital. O cirurgião teve como cúmplice a cunhada, que levou as duas para a porta do prédio no horário combinado. "Minha esposa não sabia de nada, mas começou chorar na mesma hora porque sabia que era eu. A Lara teve um pouco de medo no começo, mas quando a Mirielle me abraçou, ela baixou um pouco a guarda".

Médico de Divinópolis se fantasia de cachorro


"Eu também levei um presente para a minha esposa e para ela eu levei um Mickey porque ela adora". Para que a filha não reconhecesse a voz do pai, a comunicação foi por meio de mímica. "Foi muito intenso e maravilhoso quando eu abracei a Lara, uma emoção que se iguala apenas ao dia que ela nasceu", explicou Lucas.

Apesar do pouco tempo que teve para matar as saudades, Lucas garante que valeu a pena. "Debaixo da fantasia eu era só suor e lágrimas. Eu vejo gente morrendo todos os dias, então foi muito intenso".

O momento de emoção também foi postado no Instagram, com uma bela homenagem à família. "Abraçar as três novamente foi algo mágico! Nunca esqueçamos o poder de um abraço, de um olhar, de tocar nos cabelos dos que amamos! Hoje foi o Dia das Mães, o dia do amor no mundo, o dia mais leve do ano. Fiquemos com esse amor conosco nesses tempos, hoje e sempre!".

Postagem Instagram