O Festival Internacional de Corais – Edição de Natal (FIC) enche Belo Horizonte de música gratuita vinda de mais de mil vozes de 30 corais de Minas Gerais e do Rio de Janeiro. A programação segue até o dia 23 deste mês em 20 lugares diferentes da capital.

Neste domingo (2), durante a Feira de Artesanato da Avenida Afonso Pena, o grupo Cantos de Minas se apresentou na escadaria da Prefeitura. Para realçar ainda mais a vocação mineira para o canto coral, o coordenador e idealizador do Festival, maestro Lindomar Gomes, planeja: "Quero reunir 50 mil vozes no Mineirão, durante a Copa de 2014, no Mineirão".

Nesta segunda-feira (3), no Conservatório UFMG, no Centro de BH, a partir das 18 horas, se apresentam o Coral de Alunos do Colégio Padre Eustáquio, o Coral e Banda Cantos de Minas, o Coral Alegria de Cantar e o Coral OAP UFMG. No repertório, músicas típicas da época e também música brasileira. "Queremos quebrar o paradigma de que coral canta apenas músicas sacras. Temos uma gama incrível de gêneros para cantar", garante.

No dia 12 de dezembro, data em que Belo Horizonte completa 115 anos, a Edição de Natal realiza uma homenagem à BH. Um grande coral de aproximadamente 300 vozes será formado no Palácio da Liberdade para cantar no aniversário de BH. O encontro é uma espécie degustação do grande sonho do maestro Lindomar Gomes, que é reunir 50 mil vozes no Mineirão, durante a Copa do Mundo. "Estamos desenvolvendo oficinas em cidades-polo de Minas Gerais, para estimular a criação de mais corais", indica.

Gomes diz que a mega-apresentação está sendo negociada com os responsáveis pela programação do evento esportivo. "O maestro Villa-Lobos, em 7 de setembro de 1940, comandou um coral de quase 40 mil vozes, no estádio de São Januário, no Rio. Queremos bater este recorde", anuncia.

Os coros participantes tanto da Edição de Natal, quanto na edição tradicional do FIC são formados por crianças, adolescentes, adultos e idosos. "Os corais atingem todos os segmentos sociais e faixas etárias, temos participantes de 4 a 90 anos".
O FIC é realizado há dez anos no mês de setembro. Na última edição, BH e várias cidades mineira acompanharam as apresentações de 170 corais nacionais e internacionais. "Foram mais de 5 mil vozes que cantaram para 100 mil pessoas em todo Estado", calcula o maestro.

Programação completa: www.festivaldecorais.com.br