Cento e quatro explosivos foram encontrados abandonados em Mathias Lobato, no Vale do Rio Doce, em Minas Gerais, na quarta-feira (4).

De acordo com a Polícia Militar, funcionários da Fazenda Correnteza trabalhavam na construção de uma cerca, próximo a uma estrada de terra que dá acesso ao Distrito de Chonim, quando avistaram as emulsões encartuchadas.

A informação inicial era de que havia 29 dinamites no local. Após buscas, os militares encontraram mais 75 explosivos.

Ainda segundo a polícia, as emulsões encartuchadas usadas em demolições não apresentavam número do lote e data de fabricação, apenas um telefone emergencial.

Elas foram recolhidas pelo Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) e encaminhadas para a Delegacia Regional de Governador Valadares. Ninguém foi preso, já que o dono do material não foi identificado. A suspeita é que os explosivos tenham sido abandonados por criminosos.