Manifestantes ameaçam depredar carros que deixarem garagem na região do Barreiro, denuncia SetraBH

Da Redação
portal@hojeemdia.com.br
02/12/2021 às 08:57.
Atualizado em 08/12/2021 às 01:11
 (Reprodução Google Maps)

(Reprodução Google Maps)

A quinta-feira (2) de greve dos motoristas de ônibus em Belo Horizonte tem registrado atrasos e elevado os ânimos. O SetraBH, sindicato que representa as empresas de transporte público, aponta que manifestantes estariam bloqueando as saídas de veículos em garagens. 

Segundo a assessoria do sindicato, na garagem da Viação Sidon, na avenida Nélio Cerqueira, no bairro Tirol, na região Barreiro, dos 57 carros programados para sair nesta quinta-feira, apenas 17 conseguiram deixar o pátio. 

De acordo com o SetraBH, grevistas impediram a partida dos carros sob ameaça de depredação. Porém, não foi registrado nenhum caso de vandalismo. No entanto, o sindicato aponta que um veículo foi depredado, mas num episódio que não envolve os grevistas na porta da Sidon. “Um ônibus da linha 5106 foi completamente danificado hoje de manhã, próximo ao BH Shopping e foi recolhido para a garagem”, informou a assessoria. 

Ainda segundo o SetraBH, trabalhadores que chegaram para trabalhar também teriam sido impedidos de iniciar a jornada de trabalho. Os carros que conseguiram partir, deixaram a garagem pela madrugada, antes da chegada dos grevistas, aponta o sindicato. 

Floramar

Outro episódio foi registrado por volta das 6h. Segundo o SetraBH, um motociclista atirou um objeto contra o para-brisas de um ônibus da viação Auto Omnibus Floramar. O para-brisa direito ficou trincado. SetraBH/Divulgação / N/A

Para-brisas de um ônibus foi atingido por um objeto arremessado por motociclista, na avenida Cristiano Machado, segundo o SetraBH

Horas antes, por volta das 4h, funcionários da viação disseram que seis motociclistas estavam no portão da garagem, no bairro Floramar. A Policía Militar foi acionada e o grupo deixou o local. Segundo o SetraBH, dos 90 carros que deveriam deixar o pátio, apenas 25 conseguiram circular, entre eles, o carro que teve o para-brisa trincado.

Entramos em contato com o Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Rodoviário de Belo Horizonte (STTR-BH) para questionar sobre as possíveis ameaças dos manifestantes, mas ainda não tivemos retorno.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por