Um policial militar foi preso durante uma operação realizada na manhã desta terça-feira (20) em Itabira, na região Central de Minas Gerais. Ele seria suspeito de manter perfis falsos em redes sociais para aliciar menores para a prática de atos libidinosos e também deve responder por estupro tentado contra uma adolescente . 
 
A operação foi realizada pelo Ministério Público Estadual e pela Corregedoria-Geral da Polícia Militar de Minas Gerais e cumpriu vários mandados de prisão e de busca e apreensão na região. Segundo o MPE, o policial já vinha sendo investigado há pelo menos dois meses e, na residência dele, foram apreendidos equipamentos eletrônicos que podem conter informações importantes.
 
O coordenador estadual de Combate aos Crimes Cibernéticos, promotor de Justiça Mário Konichi, alerta para o uso indevido da internet. “O Ministério Público de Minas Gerais exerce uma vigilância constante na rede, de forma a coibir a prática de ilícitos penais e identificar seus autores, que ainda creem na possibilidade de anonimato na internet”, declarou. 
 
O policial preso durante a ação está no quartel da Polícia Militar de Itabira e será ouvido pelo Ministério Público.