Minas Gerais está longe de atingir a meta de 80% de vacinação contra o Papiloma Vírus Humano (HPV). Em 2015, pouco mais da metade do público-alvo da campanha receberam a primeira dose da vacina, que começou a ser aplicada em março desde ano. Já a segunda injeção atingiu só 4,3% da meta.
 
Segundo a Secretaria de Estado de Saúde (SES), em 2015, a primeira dose atingiu 247.353 (51,67%) meninas de 9 a 11 anos de idade. A meta é imunizar 80% das 649.237 meninas e mulheres que compõem o público. Neste ano, o público-alvo são meninas de 9 a 11 anos e mulheres de 14 a 26 anos que convivem com o HIV.
 
Já em 2014 foram vacinadas meninas de 11 a 13 anos, sendo que 504.572 (105,3%) garotas nesta faixa etária tomaram a primeira dose da vacina, mas só 347.939 (71,88%) tomaram a segunda injeção.
 
Para a coordenadora estadual de imunização da SES, Tânia Brant, a baixa procura pela vacina envolve vários fatores. “Há uma dificuldade natural de vacinar esta faixa etária, porque as adolescentes normalmente têm medo de injeções e por isso não procuram a vacina; o segundo motivo está associado com  os grupos que são contra a vacina e postam nas redes sociais informações incorretas, causando receio nas pessoas; a dificuldade de adentrar nas escolas para vacinar e, por fim, conciliar o horário escolar com o horário que a Unidade de Saúde realiza a vacinação são alguns dos fatores que favorecem essa baixa procura”, afirmou.
 
A vacina está permanentemente disponível nas unidades básicas de saúde. Segundo a SES, neste momento, o alerta é especialmente feito para as meninas que já tomaram a primeira dose em março e que devem tomar a segunda dose agora, e para as que ainda não se vacinaram.
 
Doses
 
O esquema vacinal é composto por três doses, sendo que a segunda dose deve ser tomada seis meses após a primeira e a terceira dose cinco anos após a primeira.
 
Para garantir a proteção, são necessárias no mínimo duas doses para que se tenha um quantitativo suficiente de anticorpos protetores, conferindo a proteção para os 4 sorotipos do vírus HPV que compõem a vacina. A menina que recebeu só a primeira dose não está protegida.