Minas tem mais de 57 mil desabrigados e desalojados pelas chuvas, aponta balanço da Defesa Civil

Da Redação
portal@hojeemdia.com.br
30/01/2022 às 17:58.
Atualizado em 30/01/2022 às 23:52
 (Maurício Vieira/ Hoje em Dia)

(Maurício Vieira/ Hoje em Dia)

Em Minas, 410 cidades estão em situação de emergência, por conta das fortes chuvas que atingiram Minas Gerais, desde outubro do ano passado. Em muitas localidades, moradores puderam deixar abrigos e casas de parentes e amigos e puderam voltar para casa, para avaliar os estrados e limpar. Mas o número de pessoas que estão fora de casa por causa de alagamentos e enchentes cresceu. É o que revela o boletim divulgado pela Defesa Civil Estadual neste domingo (30).

Até sábado (29), havia 8.109 pessoas desabrigadas, ou seja, precisam de um abrigo público ou habitação temporária, porque o domicílio sofreu ameaças ou danos. Neste domingo, o número passou para 8.133. Já outras 48.927 pessoas desocuparam as residências e foram para a casa de parentes ou amigos; no balanço anterior, o número chegava a 48.794 habitantes nesta situação. 

Ao todo, mais de 57 mil pessoas dependem de ajuda e solidariedade para retomar suas vidas, já que muitas delas perderam tudo.

O período chuvoso já deixou 25 mortos espalhados por 18 municípios mineiros. Entretanto, as vítimas da tragédia de Capitólio, no Sul do Estado, ainda não foram contabilizadas - elas serão incluídas após o fim das investigações.

Previsão do Tempo

Neste domingo, a previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) é de chuva e ventos fortes em mais da metade das cidades mineiras. Em Belo Horizonte, a Defesa Civil Municipal informou que o tempo é instável com indicativo de chuvas localizadas, de curta duração e de intensidade moderada.

Leia também

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por