Uma operação do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), denominada “Tabuleiro”, com apoio da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG), cumpriu na manhã desta sexta-feira (20) dez mandados de prisão preventiva e outros dez de busca e apreensão em Pouso Alegre, no Sul de Minas. O objetivo é combater o tráfico de drogas na região.

Segundo o promotor de Justiça e coordenador do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) unidade Pouso Alegre Fabiano Laurito, as investigações duraram cerca de seis meses.

Os trabalhos nesta operação contaram com a participação de 45 policiais militares e dois cães farejadores.

De com o promotor de Justiça Fabiano Laurinto, o nome Tabuleiro é dado pelos criminosos para uma reunião onde há a troca de funções dentro da facção criminosa.

Leia mais:
Encontrada a adolescente que teve cabelo cortado e foi torturada por ex-namorado em BH
Família cobra Justiça após morte de mulher em centro de saúde de São José da Lapa​
MPF entra com ação para garantir medicamentos para doença de Crohn e retocolite ulcerativa em Minas