O frio segue apertando em Minas Gerais e a pequena Monte Verde voltou a bater recorde com gélidos 2,9ºC negativos na madrugada desta segunda-feira (13). No domingo, Dia dos Namorados, os termômetros já haviam registrado 2,6ºC abaixo de zero. Essa não é o menor registro da cidade, que teve em 2011 uma manhã com 3,6ºC negativos.

O frio também foi intensoem outras cidades do Sul de Minas comVarginha marcando 4,3ºC, São Sebastião do Paraíso com 1,2ºC, Caldas com 1,7ºC negativos e Maria da Fé com 2,3ºC negativos. Principalcidade da Zona da Mata, Juiz de Fora registrou 7,2ºC, segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

"Quando temos um período deradiação mais oblíqua (os raios solares entrando mais inclinados na terra) como nessa época do ano, isso favorece que as massas de ar quente deixem a região e abram entrada para massar de arpolar que vem do Sul do Brasil, o que é típico do perído. Então, com aaproximação do inverno já observamos essamassa de ar polar mais forte e que vem atuando em todo o Sudeste e parte do Centro-Oeste brasileiro. Ela deve perder força entre quarta e sexta-feira, mas já há outra massa polar atuando no Sul e que deve chegar a Minas em breve", explicou Luiz Ladeia, do Inmet.  

Frio

Frio em Belo Horizonte na manhã desta segunda-feira, no Centro da cidade

Os belo-horizontinos também acordaram debaixo de frio, com o recorde do ano, 10,4ºC. E é bom manter os casacos fora do armário, porque segundo o instituto de climatologia Puc Minas/Tempo Clima, a massa de ar polar seguirá agindo forte sobre o Estado ao menos até a quinta-feira.

Para essa terça, as temperaturas deverão ficar abaixo de zero em diversas cidades do Sul de Minas.

Para esta segunda, máxima de 23ºC na Capital, com 55% de umidade relativa do ar. Para o restante do estado, céu ensolarado a parcialmente nublado sem a possibilidade de chuvas, excetuando o Leste do Estado, onde há a possibilidade de chuviscos.

O Norte de Minas deverá registrar a maior temperatura hoje, com termômetros podendo atingir os 32ºC.

Frio pelo Brasil

As temperaturas também foram gélidas em outras partes do Brasil, com o Rio de Janeiro registrando a menor temperatura dos últimos 14 anos, 8,6ºC às 6h no Alto da Boa Vista. São Paulo também teve recorde, com os termômetros marcando 0ºC durante a madrugada, fato que não ocorria desde 2004. Suspeita-se que quatro moradores de rua tenham morrido devido às baixas temperaturas.

No Sul do Brasil a madrugada também foi de temperaturas congelantes, com a pequena Urupema atingindo os 8,5ºC negativos, a mais baixa do ano em todo o estado. Outras 42 cidades registraram temperaturas abaixo de zero.

No Paraná, geadas assolaram boa parte do estado e a previsão é que o frio continue se intensificando. Em Curitiba, os termômetros chegaram a 1,1ºC negativos, com os termômetros atingindo os 6,9ºC negativos em General Carneiro, no Sul do estado. O Rio Grande do Sul também foi castigado pelas baixas temperaturas com diversas cidades serranas com termômetros marcando abaixo de zero.