Morreu na madrugada desta quinta-feira (27) no Hospital de Pronto-Socorro (HPS) João XXIII, Armando Coura Gomes Júnior, de 32 anos, tripulante do monomotor modelo ARX 03, que caiu em Pará de Minas, na região Centro-Oeste de Minas Gerais. O acidente ocorreu na noite de quarta-feira (26).

Já o piloto, que ainda não teve a identidade revelada, morreu logo após a queda. Ambos teriam partido do Aero Club Nat Aviation, de Belo Horizonte. Segundo o Corpo de Bombeiros, Armando foi socorrido e levado em estado gravíssimo para o Pronto-Socorro Nossa Senhora da Conceição em Pará de Minas, com queimaduras de 2º e 3º graus nas costas e pernas, além de traumatismo craniano e várias fraturas. Em seguida, ele foi transferido para o HPS, onde acabou não resistindo aos ferimentos e morreu por volta de 00h20.

Os bombeiros informaram que o acidente ocorreu por volta das 18h40, na área urbana da cidade, entre os bairros Padre Libério e Santos Dumont. Com o impacto, piloto morreu carbonizado e preso às ferragens. As causas do acidente não foram divulgadas. O local já foi isolado para não atrapalhar os trabalhos dos técnicos da Agência Nacional de Avião (Anac).

Em Minas, este é o terceiro acidente aéreo envolvendo monomotor somente em dezembro e o quarto nos últimos meses. No dia 10 deste mês, duas pessoas ficaram gravemente feridas, após a queda de uma aeronave, em Oliveira, na região mesma região.