O corpo de uma mulher, ainda não identificada, foi encontrado com diversas marcas de agressão no Cemitério da Paz, região Noroeste da capital, na manhã desta terça-feira (25), por uma equipe da Guarda Municipal. 

A vítima foi localizada às 6h com sinais de esfaqueamento pelo corpo, além de afundamento no crânio. De acordo com a Polícia Civil, ela teria sido golpeada na cabeça com uma lápide. A mulher, que era cega, ainda apresentava ferimentos sugerindo que ela tenha sido arrastada. 

No entanto, o local exato, o horário e outras informações sobre o crime só devem ser esclarecidos após os exames de necropsia, que já estão em processo pela Polícia Civil. 

De acordo com Wellington Correa, diretor de planejamento, gestão e finanças e diretor interino de necropsia da Fundação de Parques e Zoobotânica, todos os cuidados de segurança são tomados no local com rondas frequentes e o fato é considerado isolado. Ele explica que o cemitério fica aberto durante 24 horas e, quando o setor de segurança detecta uma movimentação estranha, aciona a Guarda Municipal. 

Leia mais:
Mulher assassinada com lápide no Cemitério da Paz ainda não foi identificada