Uma adolescente de 17 anos teve 20% do corpo queimado nesta quinta-feira (3), após a própria mãe jogar água fervendo em suas costas, em Varginha, no Sul de Minas Gerais. A suspeita, de 53 anos, estava alcoolizada e foi presa em flagrante. 

O crime aconteceu na rua Antenor Roquim, no bairro Centenário, por volta das 10h30, de acordo com as informações da Polícia Militar (PM). A vítima foi atendida inicialmente pelo Corpo de Bombeiros, sendo que a menor relatou que sua mãe fez uso "imoderado" de bebida e, de repente, pegou uma caneca com água fervendo e atirou em suas costas sem qualquer motivo aparente. 

Questionada pela polícia, a mãe disse que cometeu o crime após a filha agredí-la com um pedaço de madeira na cabeça depois de ela chamar sua atenção por não cuidar bem de sua neta, de 1 ano, e por fazer uso de drogas. 

Ainda de acordo com a PM, a criança não estava na casa no momento do ataque.  A mulher, que não apresentava nenhum ferimento visível, nem mesmo na cabeça onde disse ter sido agredida pela filha. Ela foi presa em flagrante por lesão corporal e levada para a delegacia da cidade. 

Já a adolescente precisou ser socorrida para o Pronto-Atendimento do Hospital Bom pastor, onde permanece internada devido aos ferimentos causados pela água fervente. 

Leia mais:
Atendimentos a crianças com queimaduras crescem 14% no HPS João XXIII
Trabalhador tem 90% do corpo queimado após cair em caldeira com água fervendo
Mulher que teve 50% do corpo queimado por andarilho no Sul de Minas é transferida para BH