Uma mulher foi presa na manhã deste sábado (18) após denúncias de que ela e um comparsa estariam tentando aplicar um golpe em uma agência bancária na Rua da Bahia, no bairro de Lourdes, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte. Segundo as informações repassadas à Polícia, o homem estaria implantando um equipamento conhecido como “chupa cabra” em caixas eletrônicos da agência. 

Localizada pela Polícia Militar, a mulher foi questionada sobre sua relação com o autor do "chupa cabra". Segundo informações da PM, ela aparentou nervosismo e entrou em contradição em vários momentos.

Os militares partiram para o rastreamento do homem que a acompanhava e, durante esse período, foram acionados por uma vítima que relatou que enquanto utilizava um caixa eletrônico de uma agência próxima, na Rua Felipe dos Santos, teve o cartão preso na máquina. Nesse momento, um homem com as mesmas características do suspeito teria oferecido ajuda e recomendou que ela ligasse para um número que supostamente seria o do banco.

A vítima aceitou a ajuda e deixou que o homem fizesse a ligação, que solicitava informações pessoais e até mesmo a senha do cartão. Ainda de acordo com informações da PM, ela só teria se dado conta do golpe quando foi alertada por outros usuários do banco.

Após realizarem o monitoramento de imagens cedidas pela agência bancária, os militares confirmaram a atuação da mulher. O homem ainda não foi encontrado.