Uma mulher de 24 anos foi agredida, na manhã desta terça-feira (9), no bairro São Luiz, região da Pampulha, em Belo Horizonte, depois de afirmar que não votaria em Jair Bolsonaro (PSL) para presidente, no segundo turno das eleições.

De acordo com informações da vítima à Polícia Militar, por volta das 5h20, ela passava pela avenida Santa Rosa, quando foi abordada por um homem que descarregava caixas em uma empresa. Ele teria perguntado em quem ela votaria e, ao se manifestar que de jeito nenhum votaria no candidato, teria sido empurrada pelo agressor, que teria ficado bem nervoso. 

A jovem caiu e bateu com o rosto no chão. Ela também sofreu um corte no punho. O homem ainda teria jogado as caixas em cima dela. Conforme o boletim de ocorrência, ela teria ficado assustada e procurou um atendimento médico particular.

No início da tarde a vítima foi até uma base comunitária da polícia e registrou o boletim de ocorrência. Ela contou aos policiais que o agressor era um homem alto, moreno e com uma tatuagem no braço esquerdo.

O caso vai ser investigado pela 3ª delegacia de Polícia Civil Noroeste.