Uma mulher em tratamento por distúrbio mental foi presa após colocar fogo no saguão da Prefeitura de Alvinópolis, na região Central de Minas, na tarde desta quinta-feira (25). Ninguém se feriu, mas alguns sofás e objetos ficaram destruídos. 

De acordo com a Polícia Militar, a paciente havia ido à sede do executivo municipial para pedir ajuda financeira para seu tratamento médico. No entanto, por julgar ter sido mal atendida, deixou o local, foi a um supermercado e retornou com álcool e fósforos.

A mulher derramou o líquido em dois sofás e acendeu o fogo. As chamas chegaram às caixas de distribuição de energia elétrica e internet e danificaram a pintura das paredes, além de um quadro com fotos da cidade. 

Apesar disso, segundo a PM, não foi necessária a presença do Corpo de Bombeiros de Itabira: os próprios servidores encerraram o incêndio. 

Após o ocorrido, a mulher foi presa. Ela responderá, na Polícia Civil, por ataque a patrimônio público. 

Assista ao vídeo: