Uma mulher de 39 anos foi encontrada morta na varanda de casa no bairro Santa Maria, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, enquanto o filho dela, um bebê de 3 meses, chorava deitado em um colchão. O pai da criança e marido da vítima, um homem de 45 anos, não foi encontrado pela polícia. A suspeita é que ele tenha assassinado a mulher por não aceitar a separação. 

Segundo a PM, que recebeu a denúncia de violência doméstica na madrugada desta quarta-feira (19), e foi até ao local averiguar, o portão da residência na rua Cinco estava trancado e sem sinais de arrombamento. Os militares escutaram o choro da criança e conseguiram entrar na residência. Na varanda, estava a mulher já sem vida, com a pele roxa e fria, e várias lesões no rosto.  

Já o bebê, que nasceu em novembro do ano passado, estava deitado em um colchão na sala e foi levado para o Hospital Municipal de Contagem. Felizmente, não foram constatados sinais de violência ou lesões. 

Após o crime, o homem fugiu. Até a manhã desta quarta ainda não havia sido localizado. Familiares da vítima disseram aos militares que o casal estava passando por "um delicado período no relacionamento" e que a mulher tentava se separar do marido. Inclusive, ela já havia começado a procurar outro imóvel para morar. 

Leia mais:

Mulher presencia homem batendo na ex-esposa, corre atrás dele e o mata a facadas no Santa Tereza
Homem é condenado a 20 anos de prisão, por matar ex-mulher
Homem é suspeito de assassinar ex-namorada a facadas em hotel de BH
Polícia procura por idoso suspeito de matar menina de 13 anos no Sul de Minas
Mulher é morta a marretadas pelo marido em Nova Serrana; polícia trabalha para conter feminicídios