Uma mulher de 40 anos, que foi queimada e mantida em cárcere privado durante uma semana pelo namorado, continua internada em estado grave no Hospital de Passos, no Sul de Minas. Segundo a Polícia Militar, a mulher também foi agredida pelo companheiro, um funcionário público de 52 anos.

Ainda conforme a PM, a mulher conseguiu fugir da casa nesta quinta-feira (23), em um momento de descuido do namorado, que teria bebido muito e dormido em seguida. Assim que chegou à rua, ela tentou andar em direção ao pronto-socorro, mas não conseguiu e foi socorrida por pessoas que passavam pelo local. 
 
De acordo com a polícia, as agressões aconteceram na casa onde mora o agressor, no bairro Distrito Industrial. Ao ser socorrida por uma agente de saúde, a vítima contou que foi levada até a residência pelo namorado no dia 17 de maio e não conseguiu mais sair. A mulher sofreu queimaduras de terceiro grau nos seios, axilas e na barriga. O homem confessou que jogou álcool na vítima e ateou fogo. Ele foi preso e levado para a cadeia de Passos.