Após ser atacada pelo companheiro com uma faca, uma mulher de 27 anos acabou conseguindo tomar a arma do homem e o assassinou, na noite desse domingo (7), na cidade de Salinas, no Norte de Minas Gerais. O crime aconteceu na residência do casal, localizada no Centro do município, e a suspeita foi presa em flagrante. 

Conforme a Polícia Militar (PM), a corporação foi acionada por volta das 22h30, após vizinhos ouvirem uma discussão e verem a suspeita deixar a casa chorando. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a ser chamado na casa, entretanto, quando os médicos chegaram, a vítima, de 48 anos, já estava morta. 

A mulher foi procurada e localizada ainda na região pela PM, sendo que ela confessou que o companheiro tentou agredí-la e, em seguida, se armou com a faca. Durante a briga, ela acabou conseguindo pegar o objeto cortante e deu um golpe na parte posterior da perna esquerda do agressor. De acordo com a corporação, provavelmente a artéria femoral da vítima foi atingida, o que deve ter o levado à morte. 

A faca usada no crime foi encontrada no local e acabou apreendida. A perícia da Polícia Civil (PC) fez os levantamentos iniciais no local e a suspeita foi conduzida para a delegacia da cidade. 

De acordo com a PC, a mulher foi autuada em flagrante por homicídio e será encaminhada ao presídio Alvorada, em Montes Claros, na mesma região, uma vez que tanto o presídio de Salinas quanto o de Taiobeiras não estariam aceitando mulheres. A corporação não soube precisar se já existia alguma ocorrência de violência doméstica envolvendo o casal. 

Leia mais:
Homem que espancou mulher no Move da Lagoinha já tinha passagem pela polícia
Mulher é morta a facadas em Ibirité, e marido é o principal suspeito
Em BH, homem comete feminicídio, ataca sogra e cunhado e tenta se matar
Homem é condenado a 19 anos por feminicídio e diz que amava a ex-mulher