Nível de emergência da barragem da Vale Área IX, em Ouro Preto, sobe após fortes chuvas

Da Redação
portal@hojeemdia.com.br
13/01/2022 às 19:40.
Atualizado em 18/01/2022 às 00:53
 (Divulgação / Vale)

(Divulgação / Vale)

A barragem Área IX, da Mina da Fábrica, em Ouro Preto, na região Central de Minas Gerais, passou para o nível 2 de emergência nesta quinta-feira (3). 

A classificação de nível 2 ocorre quando a barragem tem uma anomalia classificada como "não controlada" ou "não extinta", necessitando de novas inspeções. E exige, segundo a empresa, ações imediatas, como a evacuação das pessoas que estão na Zona de Autossalvamento, ou seja, na região que está até 10 km ou 30 minutos do ponto de rompimento da barragem. 

De acordo com a empresa, desta vez não foi preciso retirar ninguém da zona de autossalvamento, porque, em 2019, 19 famílias tiveram de deixar suas casas, em virtude da subida de nível das barragens Forquilhas.

Com a elevação do nível de emergência, a Vale tem agora quatro barragens nesta classificação: Área IX, Capitão do Mato, Forquilha I, Forquilha II, Grupo e Xingu.

De acordo com a Mineradora Vale, proprietária da mina, a elevação temporária do protocolo de segurança foi feita depois que as chuvas que atingiram a provocaram alterações em parte da estrutura. A empresa, entretanto, não informou qual foi o dano à estrutura

A barragem faz parte do Programa de Descaracterização que tem o objetivo de paralisar as atividades em estruturas de montante. A Vale informou que o volume total é de cerca de 640 mil metros cúbicos. 

A empresa afirmou que a alteração no nível de emergência foi informada aos órgãos competentes e às auditorias técnicas do Ministério Pública de Minas. “A estrutura segue monitorada pelas equipes especializadas da Vale e pelos respectivos Engenheiros de Registro”.  

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por