Depois de chegar a 3,23 metros e atingir várias ruas e casas de Governador Valadares, o nivel do rio Doce começou a baixar. A tendência, de acordo com a Defesa Civil de Governador Valadares, é que caia ainda mais durante o dia. Pelo menos 30 famílias estão em abrigos e mais de 50 ocorrências foram registradas na cidade desde a última terça-feira. Entre elas está o desabamento de duas casas.

Rio Doce transborda e provoca ao menos 30 ocorrências em ValadaresMesmo assim, a equipe da Defesa Civil continua monitorando e orienta a população que não volte para suas casas enquanto se mantiver o alerta amarelo (1,75m), ou seja, enquanto o rio ainda não voltar totalmente ao leito.

Carros de som alertam a população ribeirinha em toda a orla do rio e também na Ilha dos Araújos, onde a água entrou em várias ruas pela Avenida Rio Doce e pelos bueiros.

Em vários bairros da cidade, moradores deixaram suas casas. Na manhã desta sexta-feira (22) havia 30 famílias, cerca de 160 pessoas, em três abrigos montados nas escolas Diocesano, Tancredo Neves e Angelo de Marco.

Os bairros mais atingidos pela cheia atá agora são o Santa Rita, JK I, II e III, São Paulo, Santa Terezinha, São Tarcísio, São Pedro e Ilha dos Araújos. Da última terça-feira até hoje, a Defesa Civil já fez cerca de 50 atendimentos, a maioria de queda de muros.

Duas casas desabaram; uma no distrito de Baguari e outra no bairro Vera Cruz. Não houve feridos. As previsões são de chuva até o final de semana.

Abastecimento

A elevação do nível do rio Doce, que na seca chega a ter média de 90 centimentos, nao comprometeu o abastecimento de água em Valadares. As Estações de Tratamento de Água (ETAS) Central e do Santa Rita seguem tratando e distribuindo água normalmente, conforme informou o Saae.

A ETA do Vila Isa, que teve que interromper a captação quando o Rio Doce atingiu o alerta vermelho com 2,80 metros - a água do rio atingiu a casa de bombas - já retomou a captação e o tratamento, mas a populacao ainda reclama.

De acordo com o Saae o abastecimento ainda levará algum tempo para voltar ao normal porque as redes têm que encher novamente para chegar às partes altas.
A captação foi interrompida quando o Rio Doce atingiu o alerta vermelho com 2,80m, porque a água do rio atingiu a casa de bombas.